8 de jun de 2012

A Inevitável História de Letícia Diniz

Quando cheguei no Rio de Janeiro em março,
a primeira coisa que fiz foi ir numa reunião com o Marcelo Pedreira.

O danado viu meu filme (Sonhos Roubados), me catou na internet e lá fomos nós para a nossa segunda reunião. Dessa vez na Avenida Augusto Severo, cenário da nova história. Lá, estava diante do aniversário do Marcelo e dos atores Michele Batista e Marcelo Carrera. Dois seres que iriam junto comigo colorir essa história.

Os dias se passaram o mês de março e abril passou voando. Ensaiamos, ensaiamos, ensaiamos e ensaiamos. Fizemos fono com a Marly Britto, li o livro, tomei algumas cervejas com as travestis na Lapa. Encarnei minha bicha dentro de casa e não sei como a Juliana Pontes me aguentou nesses dias. 
Foram dias de intensa busca dessa Alicinha que dia-a-dia eu vinha descobrindo dentro de mim mesma.

Os dias das filmagens chegou bem no período que a minha mãe estava aqui no Rio e pela primeira vez ela me acompanhou no set. E que bem por acaso foi em meados dos dias das mães, ou seja, a bichinha ganhou de presente uma filha traveca e um dia inteiro de filmagem. Foi tudo muito rápido, dois dias no total, mas passaria muitos e muitos dias enfurnada no set vivendo aquela história porque simplesmente amo o meu trabalho.


Salve, salve Marcelo Pedreira que juntou um monte de gente fera!

Vida Longa ao Curta.

Cantarolando Pixinguinha


Dia 23 de abril de mais ou menos 1897
Nasceu Alfredo da Rocha Viana Filho.
Curiosamente no Dia de São Jorge, santo guerreiro.

Ele nunca soube ao certo onde nasceu,
Nunca soube com precisão o ano que nasceu.
Mas cresceu, cresceu que foi uma beleza.
E no berço da casa dele e na mistura com a rua se fez Pixinguinha.

Pizindim, Pizindim, Bexiguinha, Pechinguinha, Pizindim, Pizindim, Bexiguinha, Pixiiii...inguinha!



E  eu, com um monte de orgulho no peito
REconto as histórias desse moço.
O Vicente Coelho faz as músicas com as crianças.
O Odin Muniz filma.
E os músicos Iuri Nicolsky e Gabriel Ballesté tocam.
Pelo menos foi assim em abril de 2012, na Escola Duque Estrada em São Gonçalo.









O Projeto Cantarolando tem a parceria do SESC São Gonçalo/RJ
Coordenado por Adriana Daltoé e Solange Rohem.